Idade da Política Lascada

31/01/2016 14:33

 

   O Brasil sendo um País relativamente novo, ainda estamos no tempo da idade da política lascada em nossa política e história econômica social, ou seja, na pré-história política. Começamos sendo governados por reis e passamos boa parte de nossa história mergulhados na pobreza, enquanto estes reis e rainhas usavam o dinheiro do povo, conseguido através de muito trabalho, suor e lágrimas, mas eles, gastavam em festas pomposas em múltiplos bailes de gala.   

  Uma revista em circulação na época, diziam que quando estas festas terminavam, somente restavam no salão de danças, vários sapatos quebrados, adornos diversos jogados, as vezes alguma bengala ou cartola e muitas vezes foram encontrados, pedaços de calcinhas e sutiãs.   

  Enquanto eles se divertiam, gastando o dinheiro do povo, os trabalhadores seguiam sua sina, trabalhando de sol a sol, ganhando muito pouco e ainda pagando pesados tributos. Quem se revoltou foi preso, morto e esquartejado, para servir de exemplo aos demais que estavam pensando em segui-lo. Tudo feito para manter o povo obediente, pagando seus tributos, sem reclamar.  

  Mas, apareceu novamente outro personagem cheio de coragem e com um grito desarmou toda a monarquia. Começava a republica e não pertencíamos mais a Portugal, eramos livres, poderíamos fazer o que bem entendêssemos, não precisávamos mais de reis e rainhas.  

 Mesmo sendo dono de nosso nariz, na republica, continuamos a pagar grandes e pesados tributos. O povo continuava oprimido, trabalhando de sol a sol e muitos sem lugar para viver adequadamente, aumentando assim as favelas, que já começavam a dominar os morros das grandes cidades brasileiras. Tudo continuava igual...Bem-vinda republica!  

 Desta forma seguimos os “presidentes” que se sucediam, fazendo do Pais sua empresa privada e o povo a mercê de seus caprichos. Neste processo vários  “presidentes” renunciaram, mas seguímos a rotina, oprimidos por eles e mesmo renunciando, não eram melhores seus sucessores. Tivemos presidentes ditadores e até um suicida, mas, logo caímos sobre o jugo militar. Deixamos as primeiras trevas para trás e passamos para a nossa pré-história política, a idade da política lascada e muito lascada, diga-se de passagem.    

 Após o golpe militar, passamos para os tenebrosos “anos de chumbo”, onde os militares em posse do poder, matavam e torturavam quem bem entendesse, principalmente quem não concordava com eles. Todos eram presos, torturados, mortos ou exilados. Mas novamente surgiram guerreiros ferozes, destemidos e valorosos, querendo o fim deste regime de terror. Muitos deram suas vidas e não tardou para termos o primeiro presidente eleito, livre do regime militar. A era das trevas havia passado, pelo menos parecia.  

 Mas, em nossa pré história política ainda não tinham vencidos os nossos temores e o medo do desconhecido, ainda nos assombrava. Tudo envolto em trevas, este presidente nem chegou a governar, morreu antes de conseguir nos provar, que estávamos fora do período da política lascada. Seu sucessor imediato assumiu, fazendo razoável governo, mas o povo queria mais, afiou suas machadinhas de pedra e com suas bandeiras estendidas, ganharam as ruas, exigindo diretas já!       Com o grande movimento popular ganharam o direito ao voto, agora poderiam eleger diretamente seus presidentes e rapidamente foram instituídas as eleições gerais, onde cada cidadão brasileiro, poderia escolher seus candidatos sem medo e votar neles no dia estipulado. 

 Os cidadães não sabiam muito bem como isto funcionava e com a liberdade recém-adquirida, foram para as urnas votar, não demoraram muito para fazerem loucuras com seus votos e um presidente eleito, tiveram que derrubar. Maldita liberdade... Bendita democracia!   

 Sacudindo a poeira, prestando mais atenção, aos poucos começaram ouvir as propostas de um novo partido, que se dizia diferente do demais. Os trabalhadores oprimidos, acreditaram nas promessas e votaram neste partido, afinal o candidato foi um trabalhador e sabe o que estamos passando, pensavam os cidadães.

 Ledo engano, o novo partido por eles elegido estando no poder, foi o que mais roubou do povo, oprimiu os pobres e trabalhadores, com aumentos de impostos, água, luz, alimentação, viram suas pequenas conquistas seguirem por água abaixo. Continuavam na idade da política lascada. Nada havia mudado!   ]

 A realidade de hoje é que a grande maioria dos cidadãos vive uma pré-história econômico-social e o próprio governo não sabe o que fazer, a não ser, aumentar os tributos impostos.  Por outro lado, a minoria dos cidadãos é formada por guerreiros caçadores-coletores de grandes fortunas e nem sempre são muito honestos. Uns poucos no poder passaram a coletar e acumular riquezas, enquanto a grande maioria da população, espera e sofre ainda em sua pré história da política lascada. 

  Para sairmos dela, precisamos de guerreiros que não sejam somente caçadores-coletores de tesouros, não acumulem riquezas para si, mas trabalhem pelo bem da aldeia. Somente desta forma teremos uma chance de sairmos da estagnada política lascada e avançaremos para a idade da política polida.

 

 
 
 
Autor: Sergio Weinfuter 
Contatos: sweinfuter@hotmail.com
 facebook.com/sergio weinfuter

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!